terça-feira, 1 de agosto de 2017

Leituras: "Misery", de Stephen King

Misery foi o terceiro livro que li de Stephen King, o famoso escritor de Horror e Suspense. Antes deste, li The Shinning - O Iluminado Bem Vindos a Joyland. O Iluminado é a sua obra mais famosa, mas admito que gostei muito mais desta minha última leitura!


Este livro conta a história de Paul Sheldon, um escritor famoso que criou uma personagem chamada Misery Chastain que é adorada por muitas fãs que leem os seus romances cor-de-rosa. No entanto, ao escrever o seu último livro, Paul decide matar a protagonista para depois se dedicar a uma nova história muito distinta, Carros Velozes.
Um dia, sofre um acidente de viação e fica em muito mau estado, deixando até de conseguir andar. É ajudado por Annie Wilkes, uma antiga enfermeira, que encontra o carro e o leva para a sua casa. Mais tarde, o escritor descobre que Annie é sua fã e adora Misery ao ponto de ter dado este nome a uma porca. Como é de prever, a reação da mulher ao ler o último livro não é nada boa e fica furiosa com a morte da personagem. A partir daqui, obriga Paul a escrever um novo livro que ressuscite Misery.
Paul vê-se obrigado a escrever para se manter vivo, porque Annie revela ser uma mulher louca, uma psicopata que já não vê Misery apenas como uma personagem de ficção. 
O livro começa logo com muita ação, com o acidente de Paul, e depois passa-se quase todo em casa de Annie, mais precisamente no quarto onde o escritor passa os seus dias, ferido, numa luta constante contra as dores.
Quando o comecei a ler, pensei que esta história ia ser um pouco aborrecida, porque é passada sempre no mesmo sítio. Mas Annie é uma personagem muito inconstante, que faz coisas que parecem inimagináveis. É uma mulher doida, com um passado terrível, que magoou muitas pessoas. Há sempre um grande suspense e nunca sabemos o que é que ela vai fazer a seguir e por isso a vontade de continuar a ler vai sempre aumentando. 
Ao longo do livro, vamos tendo acesso também a vários fragmentos da obra de Paul, ao ressuscitar de Misery. Pessoalmente estava à espera de algo mais nestas partes. A famosa Misery é uma personagem pouco interessante, o que me deixou a pensar no porquê de Annie gostar tanto dela, ao ponto de querer que ela regresse dos mortos. Mas a meu ver, a história da Misery não interessa realmente. O que importa é o que ela provoca.
Este é um livro que é capaz de nos causar várias sensações. Existem páginas que fazem descrições que são capazes de deixar qualquer pessoa enojada. Preparem-se também para sentir uma enorme raiva. Sentimos o mesmo que Paul sente e até é possível imaginar todas as suas dores através das várias descrições e comparações que nos são dadas.
É uma obra muito intensa. Stephen King mostra aqui que é realmente um mestre do Horror e do Suspense. Recomendo a todos os que estejam interessados neste género!

Em breve vou publicar também uma opinião sobre o filme que foi baseado nesta obra!

9 comentários:

  1. Que me recorde só li um livro do Stephen King mas gostei muito. Este também parece ser interessante. :)
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Qual foi o livro que leste dele? :)

      Eliminar
    2. Cell - uma chamada para a morte, ou algo assim do género. :)
      --
      O diário da Inês | Facebook | Instagram

      Eliminar
  2. Nunca li nada deste escrito, mas é do género de temáticas que me suscitam interesse. Por isso, fiquei bastante curiosa com este livro!

    r: Já passou :) muito obrigada*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se gostas destas temáticas, de certeza que vais gostar!

      Eliminar
  3. Fiquei tão curiosa com o livro, acho mesmo que ia gostar! :D

    amarcadamarta.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  4. Muito obrigado :D É, indubitavelmente, uma cidade e tanto! Felizmente vivemos num país onde tudo é maravilhoso!
    Eu acho, inclusive, que dão uma maior vida à cidade :D

    Não é que faça o meu género de livro favorito, mas creio que iria gostar dele precisamente pelas personagens em si. Gosto quando elas não são homogéneas e gosto das alterações que vão sofrendo. acabamos por nos apegar mais às histórias. Deixaste-me curioso :D

    NEW COOKING POST | OMG!!! Fiz uma SALADA DE AVEIA E FRANGO dos CÉUS!!
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se calhar ainda te consigo convencer a gostar deste género de livros! :P

      Eliminar

Todos os comentários, opiniões e sugestões são bem vindos e ajudam-me a melhorar o que por aqui escrevo. Muito obrigada! + Seguir o blogue